Entenda o ronco e saiba como parar de roncar usando o CPAP

O ronco é um problema compartilhado por quem é acometido pela situação e por quem dorme por perto. O ruído durante o sono costuma atrapalhar o convívio com quem você ama e, acima de tudo, é um sinal importante sobre a saúde de quem está roncando.

Buscar meios para parar de roncar envolve uma boa análise da própria saúde e hábitos. A boa notícia é que os tratamentos estão em constante evolução! No post de hoje você vai entender o fenômeno do ronco e fica sabendo tudo sobre o aparelho CPAP, uma ferramenta que tem transformado o sono de muita gente.

O que é o ronco

Para quem está buscando parar de roncar, é importante começar entendendo o que é o ronco. Essa manifestação ruidosa da passagem do ar pode ser ocasionada por muitas coisas diferentes:

Em crianças

A inflamação da adenóide, carne esponjosa do nariz, assim como a das amígdalas, pode causar episódios e ronco. Apesar de mais raro, o fenômeno pode acontecer também em adultos.

Desvio do septo e outros tipos de obstrução

Geralmente causados por sinusite, tabagismo, gripe ou mesmo ressecamento, também podem ocasionar o ronco;

Consumo de álcool e certos medicamentos

Qualidade do sono

Dormir com a barriga para cima, pois a posição favorece o relaxamento da língua sobre a abertura da garganta, diminuindo a passagem de ar.

No geral, o ronco tem dois fatores determinantes: a idade e o sobrepeso. Quando dormimos, os músculos de nossas vias respiratórias – assim como toda a musculatura do corpo – ficam mais relaxados e flácidos. Isso acaba diminuindo o caminho de passagem do ar, o que ocasiona os temidos roncos.

É natural que, conforme ficamos mais velhos, os músculos fiquem mais flácidos, de maneira que a idade oferece uma maior tendência ao ronco. E o segundo fator principal para o ronco é o sobrepeso: pessoas com mais tecido adiposo na garganta ficam com a passagem das vias aéreas ainda mais obstruída.

Sobretudo, roncar costuma ser um indício preocupante de outros ocasionais problemas mais graves, como a apnéia do sono.

A apneia do sono

A qualidade do sono é uma das coisas mais importantes para que tenhamos saúde e um viver genuíno. E o sono é composto por fases: os dois estágios do sono leve, que relaxam os músculos, o sono pesado, que libera diversos neurotransmissores, e o sono REM, que cuida da reparação psíquica.

Para chegarmos nas fases mais reparadoras, precisamos passar pelas demais, e quando se tem a apneia do sono, as constantes faltas de ar causadas pelo bloqueio da passagem do ar pelas vias aéreas interrompem o ciclo.

Com o bloqueio do ar, é natural que a pessoa acabe despertando. Recuperar os estágios do sono pode não ser tão fácil, especialmente com as constantes interrupções, o que acaba diminuindo drasticamente a qualidade média do sono.

Pessoas que sofrem de apneia do sono acabam ficando mais cansadas durante o dia, propensas à efeitos colaterais do estresse e também ao ganho descontrolado de peso.

A má qualidade da respiração também causa uma oxigenação do sangue bem mais empobrecida. No longo prazo, o fenômeno pode causar problemas relacionados à circulação, cefaleias e problemas cardíacos.

Como saber se eu ronco?

Se você quer entender como fazer uma pessoa parar de roncar ou tratar a si mesmo, é importante entender a regularidade do ronco: se é episódico ou se já se tornou algo crônico. Alguém do seu convívio certamente saberá informar sobre a frequência e, após identificar o problema, o primeiro passo é buscar por um otorrinolaringologista para ser encaminhado ao exame da polissonografia, que irá medir o número de interrupções do sono durante uma noite e determinar o nível de gravidade.

Existem diferentes meios para parar de roncar. Eles envolvem um tratamento mais direcionado ao problema principal que causa a obstrução: uma pessoa com sobrepeso pode seguir para um endocrinologista. Se o caso for de adenóide esponjosa ou desvio de septo, intervenções cirúrgicas podem ajudar, mas há muitos casos em que não há uma “cura”.

Mas se você quer parar de roncar à noite no curto prazo, existe uma solução prática, tecnológica e garantida, com alto padrão no combate ao ronco: o uso de um aparelho CPAP.

O que é o aparelho CPAP?

CPAP é a sigla para Continuous Airway Positive Pressure, ou “Pressão Contínua das Vias Respiratórias” e define a atividade do aparelho CPAP, que comprime o ar, criando uma pressão constante sobre as vias respiratórias. Isso as mantém infladas e facilitam a passagem do ar, evitando bloqueios da respiração.

Com isso, a qualidade do sono aumenta significativamente, além de também aumentar a oxigenação do sangue, prevenindo os problemas gerais citados no caso da apneia do sono.

O aparelho de CPAP é uma máquina portátil que capta o ar do ambiente e o comprime através de um tubo. Este distribui o ar através de uma máscara, que pode ser usada sobre a boca ou as narinas, de acordo com o modelo.

O equipamento trabalha durante toda a noite, auxiliando a pessoa que ronca e não oferece risco algum, pois seu tubo é flexível e a máscara oferece modos adaptáveis para que a pessoa também possa dormir de lado.

Entre diversos modelos de CPAPs encontrados no Mercado, podemos citar alguns, como o CPAP 60 Series Remstar Auto A-Flex System One, da Philips Respironics, por exemplo. Além de ser compacto e silencioso, ainda oferece um umidificador de ar, que previne contra o ressecamento das vias respiratórias, aumentando o conforto durante o sono.

O CPAP Automático Dreamstation, também da Philips Respironics, automatiza a intensidade da compressão do ar de acordo com os parâmetros de respiração do paciente, o que evita qualquer tipo de excesso ou carência de oxigênio.

Mais do que seguros, muitos dos CPAPs também oferecem um rastreamento da progressão da saúde respiratória do paciente durante o tratamento, o que auxilia muito no acompanhamento junto ao médico.

No blog da Casa Médica temos diversos materiais sobre saúde e qualidade de vida novos todas as semanas. Na nossa loja virtual, você encontra diferentes modelos de CPAPs e seus acessórios com os melhores preços do mercado. Pare de roncar de vez e durma com qualidade!